segunda-feira, 7 de abril de 2014


HOLLEN PARTE DEZ

Ps.: Mais uma parte do meu livro foi concluída. Já estou vivendo a expectativa de seu término e isso empolga muito! Bom, segue abaixo um trecho da jornada de Hollen:


"Uma figura adentrou o platô, destruído pela batalha. O som dos cascos rompeu o silêncio lúgubre que havia se formado. Um cavalo de aparência soturna puxava lentamente uma carroça de madeira com aspecto rústico. Em suas laterais havia candelabros acesos, que chacoalhavam com o movimento. Suas rodas de madeira em contato com o solo e com a brita causavam pequenos estalos. Uma figura funesta estava no comando. Trajava roupas escuras que mais pareciam trapos. Suas pontas eram rasgadas e usava um chapéu com grandes abas. Subitamente o veículo parou. A figura saltou, tocando seus pés no solo. Antes de se aproximar, segurou um cajado curvo, com uma grande lâmina em sua extremidade. Caminhou em nossa direção. Encarou-me rapidamente e percebi que não tinha uma aparência como a nossa, mas sim, esquelética".

Nenhum comentário: